O SEMINÁRIO BÍBLICO ÁRABE DE BELÉM (PALESTINA) RELATA SOBRE UMA IRMÃ DA IGREJA BATISTA DE GAZA QUE FALECEU QUANDO SUA CASA FOI ATINGIDA POR UM MÍSSIL.

—————————————————————

Caros Irmãos,
Enquanto escrevo a você estas linhas, um cessar-fogo de 72 horas foi aceito por Israel e os movimentos de resistência em Gaza. No entanto, a situação na Faixa de Gaza está se tornando extremamente intolerável e se as facções de luta continuarem a lutar, a miséria dos civis será terrível. Na Faculdade Bíblica de Belém (Bethlehem Bible College) acreditamos que toda a vida é sagrada e nós clamamos ao nosso poderoso Deus para acabar com esse ciclo de violência e poupar as vidas de israelenses e palestinos. Nossa mensagem é moldada pelos ensinamentos de nosso Salvador ,uma mensagem de arrependimento, perdão, não-violência e da reconciliação.

Antes do cessar-fogo a maioria dos habitantes de Gaza não foi capz de sair de suas casas, com exceção daqueles que estavam fugindo de suas casas bombardeadas. Aqueles que se atreveram a sair de suas casas se tornaram alvos de bombas, estilhaços, e mísseis que já mataram 1.400 pessoas – a maioria das quais são civis e cerca de 250 delas são crianças. Os bancos ainda estão fechados e há muito caos. Isto está a dificultar as agências humanitárias de fazer o trabalho de socorro. Mas há uma crescente pressão internacional sobre o governo israelense e o Hamas para aceitar um cessar-fogo prolongado que poderia levar a uma trégua mais longa. Enquanto isso, a população civil em Gaza sofre mais, especialmente as crianças. Sofremos com eles, bem como com as famílias israelenses que perderam seus entes queridos. De acordo com fontes israelenses 64 soldados foram mortos e centenas de pessoas ficaram feridas.

A primeira vítima cristã desta rodada de violência é a Sra. Jalele Ayyad. Fatin Ayyad, um parente do Jalele, e membro da Igreja Batista em Gaza, disse-me que a mulher (de mais de 60 anos) foi morta quando um míssil israelense atingiu sua casa. Fatin disse, “primeiramente recebemos um míssil com uma mensagem:” Deixe a casa imediatamente! “Mas antes que a família fosse capaz de correr, um míssil mortal atingiu a casa, matando Jalele, ferindo seu marido e aleijando seu filho Jeries. O Reverendo Alex Awad e David Azar visitaram Jeries no hospital. Os médicos tiveram que amputar as duas pernas e um braço. Ele está em um estado crítico. Ore conosco que ele sobreviva. Sra. Jalele Ayyad foi sepultada no cemitério ortodoxo grego na cidade de Gaza. Fatin comentou tristemente; “Toda a declaração de Israel sobre dar aos habitantes de Gaza tempo suficiente para que eles possam deixar as suas casa antes dos bombardeios é apenas uma propaganda”. Alguns, segundo ela, “foram mortos sob os escombros de suas casas, sem nunca haver recebido um aviso; alguns foram mortos enquanto saiam e os outros foram mortos nas ruas depois de haverem deixado suas casas. A tragédia é que muitos correram para o que eles pensaram ser abrigos seguros, no entanto os bombardeios indiscriminados os seguiram e acabaram com as suas vidas ou os feriram dentro dos abrigos.

Apelamos a nosso Senhor amoroso para acabar com essa crise e dar aos líderes de ambos os lados a sabedoria para chegar a um acordo duradouro, para que não tenhamos que ver esse tipo de selvageria novamente. Ore pela Sociedade Pastoral, a medida que ela faz a captação de recursos e organização para participar no ministério de alívio em Gaza.

_______________________________
Informação do site http://www.bethlehembiblecollege.edu/

Anúncios